ARTIGO

Junho de 2024

QUANTO CUSTA CRIAR UMA MARCA DE COSMÉTICOS

Criar uma marca de cosméticos é um sonho para muitos empreendedores, especialmente em Portugal, onde a qualidade e a inovação no setor cosmético têm ganho um grande destaque. No entanto, uma das perguntas mais frequentes é: “Quanto custa criar uma marca de cosméticos?”

A terceirização de cosméticos é uma área em que realmente vale a pena investir, pois é muito mais económico recorrer a uma fábrica para criar os teus produtos do que adquirir todo o equipamento, recursos e maquinaria necessários para a produção de cosméticos. Isto porque, principalmente, a maquinaria envolve custos muito elevados. No entanto, ao criar uma marca de cosméticos, existem vários custos associados que deves considerar e que a fábrica enfrenta para criar a tua marca, nomeadamente: Investigação e Desenvolvimento, Matéria-Prima necessária, Certificações e Regulamentações, Testes obrigatórios dos produtos, Embalagem e Design, Distribuição, Logística e a própria Produção.

Neste artigo, vamos detalhar os principais custos envolvidos, ajudando-te a entender melhor o processo e a preparares-te financeiramente para esta aventura.

1 – Investigação e Desenvolvimento (I&D)

Antes de lançar qualquer produto no mercado, é crucial investir em Investigação e Desenvolvimento (I&D). Esta fase inclui a pesquisa de mercado, análise de novas tendências e seleção das matérias-primas mais adequadas para criar a melhor formulação dos produtos, de acordo com as necessidades que a tua marca pretende satisfazer. Para isso, é importante definir um nicho de mercado inicial, para que os produtos sejam desenvolvidos de forma adequada a esse nicho, garantindo assim o sucesso da marca.

Assim, esta etapa envolve vários custos, como os recursos humanos necessários, as matérias-primas utilizadas na formulação, o tempo despendido na criação da fórmula perfeita e os testes necessários para comprovar a eficácia do produto.

2 – Matéria-Prima

Como em todos os negócios, a qualidade tem um preço, e na nossa fábrica procuramos sempre selecionar as melhores e mais puras matérias-primas para garantir aos nossos clientes a máxima qualidade dos seus produtos e resultados comprovados. Assim, é importante que todos os empreendedores compreendam que não basta simplesmente criar um cosmético; é necessário que ele tenha uma fórmula eficaz e comprovada, que realmente faça diferença na vida dos seus clientes e que responda às suas necessidades. Na hora de comprar, os clientes irão considerar esses fatores, e se ficarem realmente satisfeitos, irão voltar a comprar. Por isso, a matéria-prima selecionada é também um grande fator a ter em conta na hora de investir.

3 – Certificações e Regulamentações

Todo e qualquer cosmético lançado no mercado deve estar em total conformidade com os requisitos legais. Em Portugal e na União Europeia, existe um regulamento muito específico ao qual todos os cosméticos devem obedecer. É obrigatório que todos os produtos sejam registados no portal CPNP (Cosmetic Products Notification Portal), o que acarreta custos associados, e eventualmente certificações adicionais, dependendo do tipo de negócio, como é o caso da certificação de produtos Vegan, que implicam custos mais elevados. Cada produto é registado apenas uma vez, tornando este um custo fixo pago por cada referência de produto. Se queres saber mais sobre as especificações obrigatórias de criar uma marca Vegan, lê o nosso artigo: “Tudo sobre criar uma marca Vegan.

Além disso, existe o Código de Barras associado a cada produto, que faz parte do seu registo e implica um custo extra para a sua aquisição, específico para cada referência.

4 – Testes dos produtos

São também diversos os testes obrigatórios que um produto cosmético deve passar para estar totalmente conforme e apto para venda no mercado. Estes testes incluem análises químicas a que os cosméticos são submetidos em ambientes laboratoriais. Caso algum teste falhe, o cosmético pode necessitar de alterações. Entre os vários testes necessários e obrigatórios, podemos destacar:

  • Testes de Microbiologia;
  • Testes de Estabilidade;
  • Testes de Eficácia dos Conservantes;
  • Relatório de Avaliação e Segurança dos Produtos (RAS)
  • Ficheiro de informação de produto (PIF)
  • Revisão de Rótulos

Na PROM BEAUTY, comprometemo-nos a entregar o produto totalmente finalizado e aprovado, garantindo que, ao sair da fábrica, esteja totalmente apto para venda. Oferecemos um pacote que inclui todos os testes necessários, pago apenas uma vez por cada referência de produto. Para saber mais sobre os valores deste pacote, entre em contacto connosco.

5 – Embalagem e Design

A primeira interação do consumidor com os produtos é visual, pelo que a escolha da cor e do Design das embalagens é fundamental. Atualmente, as opções minimalistas e simples estão em alta, permitindo investir num rótulo mais minimalista, mas optando por uma embalagem mais colorida. Podes consultar mais informações sobre as tendências do design atuais, no nosso artigo: “Como o Packaging influencia um produto cosmético”.

Nesta fase do projeto, cada caso é único e depende do gosto do cliente. No entanto, é importante ter em conta que embalagens muito personalizadas podem implicar um custo maior, e o design dos rótulos é sempre um serviço com um custo extra. Caso o cliente prefira, pode recorrer a um designer externo à nossa empresa para criar os seus rótulos. Temos ainda uma fábrica parceira que se encarrega da produção dos rótulos, embora o cliente possa também optar por se responsabilizar pela impressão dos seus próprios rótulos.

6 – Distribuição e Logística

A Distribuição e Logística dos produtos são igualmente custos associados que devem ser categorizados. Isto é, a forma como o produto será comercializado (online e/ou offline), o que pode implicar não só custos de uma loja online, incluindo a sua implementação e manutenção, mas também os custos logísticos associados, como a escolha da transportadora que entregará os produtos, o serviço de faturação contratado e o parceiro de pagamentos. Sabe mais sobre o que é investir no E-commerce e todas as vantagens no nosso artigo: “O crescimento do E-commerce na área dos cosméticos”.
Além disso, existem os custos relacionados com recursos humanos e logística para venda offline, bem como os custos de armazenamento dos produtos, que necessitam de um espaço específico para serem armazenados.
Na PROM BEAUTY, dedicamo-nos a fornecer aos nossos clientes um projeto “chave na mão”, o que significa que, desde a fase de Investigação e Desenvolvimento até à Distribuição e Logística, entregamos o produto totalmente pronto para venda assim que sai da nossa fábrica. Isso permite aos nossos clientes evitar preocupações com burocracias relacionadas com a indústria cosmética, simplificando todo o processo de criação de uma marca. No entanto, isso também significa que atribuímos total importância a TODOS os clientes.
Para nós, cada cliente e cada projeto são únicos!
Por conseguinte, todos os nossos orçamentos são adaptados às necessidades de cada cliente, não havendo uma fórmula predefinida. Cada cosmético é único, e é crucial que haja diferenciações em todos os projetos para que, quando lançados no mercado, se destaquem dos concorrentes. Só assim um projeto pode alcançar o sucesso desejado.

Vamos criar o teu orçamento personalizado para o teu projeto? Entra em contacto connosco !

Se precisas de mais informações sobre a criação de uma marca própria temos também para ti um artigo: “7 dicas para iniciantes na área dos cosméticos”.

Visite as nossas redes sociais:

Instagram

Facebook

Vamos criar juntos a

TUA MARCA?

Contacta-nos!

imagem-embalagens-prombeauty

ARTIGO

Junho de 2024

QUANTO CUSTA CRIAR UMA MARCA DE COSMÉTICOS

Criar uma marca de cosméticos é um sonho para muitos empreendedores, especialmente em Portugal, onde a qualidade e a inovação no setor cosmético têm ganho um grande destaque. No entanto, uma das perguntas mais frequentes é: “Quanto custa criar uma marca de cosméticos?”

A terceirização de cosméticos é uma área em que realmente vale a pena investir, pois é muito mais económico recorrer a uma fábrica para criar os teus produtos do que adquirir todo o equipamento, recursos e maquinaria necessários para a produção de cosméticos. Isto porque, principalmente, a maquinaria envolve custos muito elevados. No entanto, ao criar uma marca de cosméticos, existem vários custos associados que deves considerar e que a fábrica enfrenta para criar a tua marca, nomeadamente: Investigação e Desenvolvimento, Matéria-Prima necessária, Certificações e Regulamentações, Testes obrigatórios dos produtos, Embalagem e Design, Distribuição, Logística e a própria Produção.

Neste artigo, vamos detalhar os principais custos envolvidos, ajudando-te a entender melhor o processo e a preparares-te financeiramente para esta aventura.

1 – Investigação e Desenvolvimento (I&D)

Antes de lançar qualquer produto no mercado, é crucial investir em Investigação e Desenvolvimento (I&D). Esta fase inclui a pesquisa de mercado, análise de novas tendências e seleção das matérias-primas mais adequadas para criar a melhor formulação dos produtos, de acordo com as necessidades que a tua marca pretende satisfazer. Para isso, é importante definir um nicho de mercado inicial, para que os produtos sejam desenvolvidos de forma adequada a esse nicho, garantindo assim o sucesso da marca.

Assim, esta etapa envolve vários custos, como os recursos humanos necessários, as matérias-primas utilizadas na formulação, o tempo despendido na criação da fórmula perfeita e os testes necessários para comprovar a eficácia do produto.

2 – Matéria-Prima

Como em todos os negócios, a qualidade tem um preço, e na nossa fábrica procuramos sempre selecionar as melhores e mais puras matérias-primas para garantir aos nossos clientes a máxima qualidade dos seus produtos e resultados comprovados. Assim, é importante que todos os empreendedores compreendam que não basta simplesmente criar um cosmético; é necessário que ele tenha uma fórmula eficaz e comprovada, que realmente faça diferença na vida dos seus clientes e que responda às suas necessidades. Na hora de comprar, os clientes irão considerar esses fatores, e se ficarem realmente satisfeitos, irão voltar a comprar. Por isso, a matéria-prima selecionada é também um grande fator a ter em conta na hora de investir.

3 – Certificações e Regulamentações

Todo e qualquer cosmético lançado no mercado deve estar em total conformidade com os requisitos legais. Em Portugal e na União Europeia, existe um regulamento muito específico ao qual todos os cosméticos devem obedecer. É obrigatório que todos os produtos sejam registados no portal CPNP (Cosmetic Products Notification Portal), o que acarreta custos associados, e eventualmente certificações adicionais, dependendo do tipo de negócio, como é o caso da certificação de produtos Vegan, que implicam custos mais elevados. Cada produto é registado apenas uma vez, tornando este um custo fixo pago por cada referência de produto. Se queres saber mais sobre as especificações obrigatórias de criar uma marca Vegan, lê o nosso artigo: “Tudo sobre criar uma marca Vegan.

Além disso, existe o Código de Barras associado a cada produto, que faz parte do seu registo e implica um custo extra para a sua aquisição, específico para cada referência.

4 – Testes dos produtos

São também diversos os testes obrigatórios que um produto cosmético deve passar para estar totalmente conforme e apto para venda no mercado. Estes testes incluem análises químicas a que os cosméticos são submetidos em ambientes laboratoriais. Caso algum teste falhe, o cosmético pode necessitar de alterações. Entre os vários testes necessários e obrigatórios, podemos destacar:

  • Testes de Microbiologia;
  • Testes de Estabilidade;
  • Testes de Eficácia dos Conservantes;
  • Relatório de Avaliação e Segurança dos Produtos (RAS)
  • Ficheiro de informação de produto (PIF)
  • Revisão de Rótulos

Na PROM BEAUTY, comprometemo-nos a entregar o produto totalmente finalizado e aprovado, garantindo que, ao sair da fábrica, esteja totalmente apto para venda. Oferecemos um pacote que inclui todos os testes necessários, pago apenas uma vez por cada referência de produto. Para saber mais sobre os valores deste pacote, entre em contacto connosco.

5 – Embalagem e Design

A primeira interação do consumidor com os produtos é visual, pelo que a escolha da cor e do Design das embalagens é fundamental. Atualmente, as opções minimalistas e simples estão em alta, permitindo investir num rótulo mais minimalista, mas optando por uma embalagem mais colorida. Podes consultar mais informações sobre as tendências do design atuais, no nosso artigo: “Como o Packaging influencia um produto cosmético”.

Nesta fase do projeto, cada caso é único e depende do gosto do cliente. No entanto, é importante ter em conta que embalagens muito personalizadas podem implicar um custo maior, e o design dos rótulos é sempre um serviço com um custo extra. Caso o cliente prefira, pode recorrer a um designer externo à nossa empresa para criar os seus rótulos. Temos ainda uma fábrica parceira que se encarrega da produção dos rótulos, embora o cliente possa também optar por se responsabilizar pela impressão dos seus próprios rótulos.

6 – Distribuição e Logística

A Distribuição e Logística dos produtos são igualmente custos associados que devem ser categorizados. Isto é, a forma como o produto será comercializado (online e/ou offline), o que pode implicar não só custos de uma loja online, incluindo a sua implementação e manutenção, mas também os custos logísticos associados, como a escolha da transportadora que entregará os produtos, o serviço de faturação contratado e o parceiro de pagamentos. Sabe mais sobre o que é investir no E-commerce e todas as vantagens no nosso artigo: “O crescimento do E-commerce na área dos cosméticos”.
Além disso, existem os custos relacionados com recursos humanos e logística para venda offline, bem como os custos de armazenamento dos produtos, que necessitam de um espaço específico para serem armazenados.
Na PROM BEAUTY, dedicamo-nos a fornecer aos nossos clientes um projeto “chave na mão”, o que significa que, desde a fase de Investigação e Desenvolvimento até à Distribuição e Logística, entregamos o produto totalmente pronto para venda assim que sai da nossa fábrica. Isso permite aos nossos clientes evitar preocupações com burocracias relacionadas com a indústria cosmética, simplificando todo o processo de criação de uma marca. No entanto, isso também significa que atribuímos total importância a TODOS os clientes.
Para nós, cada cliente e cada projeto são únicos!
Por conseguinte, todos os nossos orçamentos são adaptados às necessidades de cada cliente, não havendo uma fórmula predefinida. Cada cosmético é único, e é crucial que haja diferenciações em todos os projetos para que, quando lançados no mercado, se destaquem dos concorrentes. Só assim um projeto pode alcançar o sucesso desejado.

Vamos criar o teu orçamento personalizado para o teu projeto? Entra em contacto connosco !

Se precisas de mais informações sobre a criação de uma marca própria temos também para ti um artigo: “7 dicas para iniciantes na área dos cosméticos”.

Visite as nossas redes sociais:

Instagram

Facebook

Vamos criar a

TUA MARCA?

Contacta-nos!